sábado, 4 de fevereiro de 2017

"SOZINHO NO MUNDO, SEM TER NINGUÉM"

"[...] Pois no dia em que "ocê" foi embora, eu fiquei
sozinho no mundo, sem ter ninguém,
o ultimo homem no dia em que o sol morreu".

(O último pôr-do-sol - Lenine & Marcos Suzano) 


                                     Imagem: © Joel Robison

Não houve abraço
Não houve aceno
Não houveram lágrimas.

Você se foi - apenas indo -
como uma navalha
que passa decepando os fios,
interrompendo as ligações,
cortando os laços.

Eu fiquei - apenas ficando -
olhando o tempo engolir o sol,
prevendo o inverno,
esperando o futuro,
sozinho.

Você, no mar - navegando.
Eu, no cais - esperando.

Esperando...
     Esperando...
         Esperando...


(Wendel Valadares)

2 comentários:

  1. Não houve. Não ouve.

    Você já ouviu uma música do Maná, chamada En El Muelle de San Blas? Foi o que tua música me lembrou. Muito.

    Bom ter você assíduo. Muito bom!

    ResponderExcluir